DESCOBRINDO O SEXO DO BEBÊ
09/05/2013
DESCOBRINDO O SEXO DO BEBÊ

Foi-se o tempo em que o sexo do bebê só era conhecido na hora do parto. Hoje em dia são raríssimos os casais que querem guardar esta surpresa para o momento do nascimento da criança.

Desde o surgimento do ultra-som, a evolução tecnológica tem permitido que cada vez mais precocemente se desvende o mistério inicial do sexo do bebê.

Atualmente, com bons aparelhos e profissionais experientes, pode-se detectar a imagem do sexo pelo ultra-som até com 13 semanas de gestação, no momento em que estiver sendo realizado o exame da Translucência Nucal. Na prática médica diária, geralmente tem-se a certeza por volta das 16 semanas.

Entretanto, esta visibilização dependerá da posição do bebê, que se não estiver em uma situação favorável, fará com que a identificação do sexo seja adiada para 4 meses e meio de gestação, quando for realizado o ultra-som morfológico, e mesmo assim, a situação também deverá ser favorável neste momento.

Atualmente existe também a sexagem fetal, ou diagnóstico precoce do sexo do bebê, que é uma nova técnica para identificação do sexo do feto numa fase inicial da gestação, realizada através de uma amostra de sangue da mãe. Durante a gestação, existe a passagem de uma pequena quantidade de células fetais para o sangue materno. O exame dessas células na corrente sangüínea, revela o sexo do bebê sem riscos, pois requer apenas a coleta de um pouco de sangue materno. Existe a esperança de, no futuro, exames desse tipo substituírem a amniocentese e biópsia de vilo corial para avaliação segura de anomalias cromossômicas. Entretanto, ainda existem dificuldades pelo fato da quantidade dessas células serem muito pequenas e de difícil identificação. Várias tentativas têm sido feitas e já se conseguiram muitos avanços.

Este teste se baseia na identificação de partes do cromossomo Y na circulação materna. Como apenas o indivíduo do sexo masculino possui esse cromossomo dentro de sua célula, sua presença indica um menino e sua ausência indica uma menina. Este exame é feito em laboratório de Biologia Molecular e vem sendo desenvolvido e experimentado há algum tempo.

Este método pode dar até 99% de certeza, sendo realizado a partir de 8 semanas.

voltar
DRA. EVELINE LINHARES - GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA
VILA CLINIC - (Atrás do Hospital Dr. Estevão e do Abrigo)
Rua Dr. Figueiredo Rodrigues, 573 Centro, Sobral - CE
Tel.: (88) 3613-2001\ 3613 4001\ 9747 8013
Encontre no mapa
Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia International Federation of Gynecology and Obstetrics Sociedade Brasileira de Videocirurgia International Urogynecological Association Associação Brasileira de Patologia do Trato Genital Inferior e Colposcopia